Judas Priest: ex-guitarrista KK Downing chocado por não ter sido chamado após afastamento de Glenn Tipton

Notícias Internacionais

O ex-guitarrista do Judas PriestKK Downing, afirmou em sua página no Facebook que está chocado por não voltar à banda após Glenn Tipton anunciar há duas semanas sua saída do grupo britânico devido ao Mal de ParkinsonTipton foi substituído pelo guitarrista e produtor Andy Sneap.

Segundo KK Downing, o fato de não ter sido chamado de volta ao Judas Priest provou que o seu talento “não era apreciado por mais de um membro”. Porém o próprio guitarrista decidiu deixar a banda em 2011 devido a “divergências musicais” e foi substituído por Richie Faulkner.

“É com grande tristeza que digo que estou chocado e abismado por não ter sido consultado para meu posto original como guitarrista do Judas Priest. Mesmo que eu tenha saído da banda ou não, o potencial desta situação nunca passou pela minha cabeça quando saí – apesar de eu ainda ser tanto oficialmente quanto legalmente um membro do Judas Priest, afirma.

“No entanto, eu vejo agora com mais clareza que fiz o certo em sair da banda na época. Parece que o tempo que passei na banda e meu valor criativo e enorme legado não era apreciado por mais de um membro”, ressalta o guitarrista.

Por fim, KK Downing disse que Andy Sneap, que esteve na co-produção de “Firepower”, juntamente com Tom Allom, era “um dos maiores contribuidores para o Rock e Metal que você poderia ter o privilégio de conhecer”“Não tenho dúvidas que a sua contribuição para o novo álbum do Judas Priest foi maior do que somente como produtor”, completa.

“Tudo que resta a vocês, fãs, é aproveitar a banda como ela está para completar uma parte da história da música em que cada um de vocês desempenhou um papel importante”, finaliza.

Fonte: Blabbermouth

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *