Judas Priest: Frontman Ron Halford comemora 32 anos de sobriedade

Notícias Internacionais
Rob Halford comemorou o 32º aniversário de sua sobriedade no sábado 6 de janeiro. Ele escreveu em sua página do Facebook: “Um dia de cada vez. Cada um de vocês está na minha vida e seu amor e apoio incentiva e me ajuda para viver no momento e tentar fazer o meu melhor para vocês. Obrigado a todos “.
Em uma entrevista em 2016 com The Washington TimesHalford foi questionado sobre como a sobriedade desempenhou na longevidade da banda. Ele respondeu: “Sem ela? Oh, eu estaria morto. Literalmente, eu estaria morto. Eu não estaria falando com The Washington Times agora. Eu não estaria aqui. O lugar onde eu cheguei, o próximo passo, estaria perdido “.
Ele acrescentou: “Eu amo as pessoas. Eu adoro estar em uma banda. Eu adoro fazer música. Eu tinha que descobrir que era muito mais importante do que ser viciado”.

Durante uma entrevista de 2015 com o “Rock N ‘Roll Breakfast Show” do Oeste do Canadá, Halfordfalou mais detalhadamente sobre como estar limpo e sóbrio desde 1986 afetou sua performance ao vivo e seu bem-estar emocional.

“Bem, é uma vida incrível, não é?” Halford disse. “Ainda é muito um dia por vez. Eu acho que essa é a única maneira que você realmente pode fazer funcionar”.

Ele continuou: “Estou deixando uma trilha atrás de mim no dia 6 de janeiro dos trinta anos. E algumas pessoas estão tipo ” Oh, meu Deus, trinta anos “. Bem, na verdade não é só isso. É um rastro de sobriedade que eu realmente sei que de fato me ajudou na minha carreira e na minha vida como músico e como pessoa. Eu gostaria de sentir que estou melhor em ambos os mundos quanto a isso. Eu acho que eu melhorei de muitas maneiras por ser capaz de ficar limpo e sóbrio. Mas, você sabe, é algo digno. E você não pode fazer isso sozinho – você tem que usar as ferramentas que foram fornecidas a você pelas pessoas que te deram cobertura e cuidaram de você. E, novamente, se baseia sempre em meus fãs “.

O fato mais curioso sobre isso é que o vocalista tomou uma atitude há 32 anos atrás, uma atitude muito além do futuro, precoce, que iria levar a banda para a fonte do elixir vital, num tempo onde o metal se tornava mais agressivo e violento e era ‘necessário’a bebida e as drogas para compensarem.

Fonte: Roadie Metal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *